terça-feira, 6 de setembro de 2011

Crônicas feitas em sala de aula - 1º B

Aluno: Ailton Matheus

O Salto
  
   Em um dia muito chuvoso, voltando do colégio, avistei uma cena que ao mesmo tempo foi irônica, constrangedora e que me chamou muita atenção. Uma maravilhosa mulher a alguns metros na minha frente usando um belo vestido vermelho, com uma bolsa de couro e um sapato de salto plataforma, aparentemente uma moça rica. Ao meu lado estava um grande amigo meu -  marcos - e quando eu conversava presenciei uma cena que não correspondia com a primeira impressão que aquela moça passou em minha vista, um desequilíbrio do salto. Ela foi para o lado direito, depois pra lado esquerdo e não conseguia voltar a sua postura inicial, foi caindo para o lado esquerdo até conseguir se apoiar em um muro molhado, quando posicionei o meu olhar para a frente e vi aquele acontecimento tive uma vontade imensa de gargalhar mas segurei até passar pela mulher que por vista estava com muita vergonha. Depois que nós passamos, varias pessoas começaram a olhar, será que foi por causa da cena  que viram, ou por que ver uma linda moça bem vestida, sem ao menos saber se equilibrar em um salto básico despertava curiosidade? Depois disso ela tão constrangida ao estar sendo ironizada pegou o salto, posicionou os seus pés na calçada molhada, colocou o salto nas mãos e foi embora. Uma cena que acho que ela nunca vai esquecer e muito menos as pessoas que ousaram caçoar de uma delegada federal.

5 comentários:

Evanir disse...

Será que a moça bonita não teria emprestado essa roupa chique .
Ou alugado e nem sabia andar no salto?
Coitada amigo você é maldo rsrs.
Certa vez eu no meu primeiro salto e daqueles finos.
Lá ia eu atravessando uma rua de paralepipido um pé entrou no meio do maldito paralepipido .
O resto foi cair um tombo daqueles ralei todo joelho nossa que vergonha!!!!!
Uma linda tarde beijos.
Evanir

Junior Souza - Norman disse...

É Rapaz, cada um com suas manias, usar roupa que não sabe, é meio tenso. Ótima Crônica, minha sala só produz assim, coisas de qualidade ! :D

viver eser feliz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Geovany Barnabé disse...

Esta crônica ficou ótima, parabéns!
Quero elogiar também a professora Aldenice Souza, pela iniciativa de criar este blog, pois ele ajuda na interação de todos os alunos de salas e escola diferentes!

Fanzine Episódio Cultural disse...

VIII CONCURSO PLÍNIO MOTA DE POESIAS 2011 (MACGADO-MG). FALEM COMIGO!

A ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS (Machado-MG) comunica que estão
abertas as inscrições para o VIII Concurso Plínio Motta de Poesias, do
ano 2011.
Entrem em contato para adquirir o Regulamento:
a/c Carlos Roberto machadocultural@gmail.com
ESTE CONCURSO ESTÁ ABERTO PARA TODOS!